{b

quinta-feira, 3 de julho de 2008

Existem dias assim...

Existem dias em que te imagino
ao meu lado sorrindo;
Não sei se estou dormindo
ou se já sonho acordada
que quase posso tocar-te
Não sei se a ilusão
é uma obra de arte;
um quadro na parede da memória
uma sensação ilusória
a preencher o vazio
Existem dias de frio
Não o frio dos invernos
mas da ausência
de teus braços ternos
que me aqueciam a alma
como uma noite cálida e calma
Existem dias
de melancolia
dias assim
existem em mim...

116 Comments:

Denis Barbosa Cacique said...

Amiga corinthiana do Rio de Janeiro, não sei de quem vc está falando, mas até eu fiquei com saudades!!

Belíssimo poema.

Me diz aí como tá o clima no Rio depois que o Flu se Fludeu!!

Abraços

Denis

Agulheta said...

Menina do Rio. Umas iternas apaixonadas! é o que é assim vejo este poema,pode ser que acordes do sonho e se torne uma realidade,estamos sempre esperando.
Beijinho doce amiga Lisa

daniel said...

Menina do Rio

As ausências, podem causar sonhos, destes resultam calafrios. Daí que com os sonhos, se fabriquem imagens de um certo conformismo.
A poesia está muito bem apresentada. Será irreal, ao mesmo tempo imagem de realidade.
Beijos, Daniel

anette said...

sim , existem eses dias , bons y maus ,felices y melancolicos, os dias maus eses se esquecen con facilidade pela chegada de um dia bom. Por isso é tao bom viver , pela esperança que "amanha" seja un dia "bom".
beijinhos pra você desde o outro lado do atlantico

Freyja said...

querida amiga he recibido tus saludos y cariños con mucha alegria
admeas volver a leer tus letras siempre deja el alma pensando
te acabo dejar un regalito en el blog Lagrimas de Freyja, es con mucho cariño
un abrazo mu grande y que estes muy bien
besitos

besos y sueños

Sei que existes said...

É, há dias assim...
Beijocas grandes

Victor said...

Querida Menina do Rio
Bonito poema este, cheio de sentir e de querer. Um beijinho grande.

em tempo: mais um beijinhos de Portugal para a querida Aline, muitas felicidades.

DE-PROPOSITO said...

Existem dias,.....
É claro que existem! E todos os dias, são dias.
fica bem.
E a felicidade por aí.
Manuel

Só Eu said...

Belissimo!
Sentido, melancólicamente sentido.
Parabens
Beijinhos atlanticos

*Carol Porne* said...

Olá!

Mais um poema lindo para sua coleção! Gostei da expressividade de seu escrito e realmente, existem dias assim, que vem sem o nosso consentimento...

Beijos mil e bom final de semana!

markus said...

MDR,
há de facto dias assim, um pouco diferentes dos outros normais, em q relembramos coisas , pessoas e momentos bons do passado...
Bom fds*****bjos

Xinha said...

Melancolicamente belo ...
É uma delicia ler os teus poemas.
Existem dias assim... e ainda bem, pois sem eles não dariamos valor ao realmente bons !! :)


Xi-coração

jasmimdomeuquintal said...

Bom fim de semana

jasmimdomeuquintal said...

Bom fim de semana

brisa de palavras said...

Obrigada pela sua visita ao meu canto e adorei estes momentos da ria..e a sua bela cidade que eu só conheço...da televisão...
Obrigada e voltarei de certeza.

um abraço
brisa de palavras

Frida said...

Non sei se haberá algo que supere os recordos que aparecen tra-los feitos, sempre os melloramos. E si te din que te queren, recordas-soñas que só te quere a ti e que é verdade; e si te toca, recordas-soñas que penetra na tua pel e navega polo interior ... no soño todo é perfecto, só estás ti máis o amado.
Graciñas pola visita.

Ana Baldner said...

"Não o frio dos invernos
mas da ausência" tbm sinto esse frio... me achei nesse seu poema... muito bonito...

bjs

tempoparaamar said...

Há dias assim, gostei da poesia que aqui se vive, se não se importar vou adiciona-la por lá.Beijinho-Salomé

_E se eu fosse puta...Tu lias?_ said...

Há dias de todas as cores;)


Obrigada pelo carinho!!!!!!!!!


beijinhos mil

Rui Caetano said...

A melancolia faz parte dos nossos dias, mas temos de a ultrapassar e encontrar a vida activa e viva...

conhecimento said...

Umas recordações, algumas imaginações e assim vais vivendo a teu dia a dia, mas não te entregues ás recordações menos boas.

mundo azul said...

Realmente...Há dias em que a falta cresce, se agiganta e nos engole...
Lindo na sua tristeza!
Beijos de luz e o meu carinho...

NAELA said...

Sublime e profundo, dias assim...tal a vontade de adormecer em tuas palavras!
Beijo doce

JOSÉ FARIA said...

Querida amiga Menina do Rio, quero ajudar-te a mudar o poema. A dar-lhe mais calor, luz e cor.
Vamos começar pelo que documenta a foto.
Eu pinto com as cores da Primavera, as paredes do espaço onde abrirei uma janela ao sol que quer entrar.
Mas só se prometeres encontrar outra roupa e visual para a figura da foto.
Depois, sim: Já podemos trocar algumas palavras do poema, trocar todas as "negativas" por positivas, dar cor àquelas que a não tem, e por aí adiante ao gosto de ambos.
Bonito.
Beijos

Sol da meia noite said...

Minha querida, bela descrição de certos dias de que a vida é feita...!
Daqueles dias que não fazem história, que apenas são o advento de novos tempos...

Mil beijinhos de muito carinho
* * * * * *

Renata Maria Parreira Cordeiro said...

Que lindo poema, sincero, singelo, o que o torna mais bonito ainda. Obrigada, amiga, pela presença no meu blog nesse meu momento, que é um inferno, mas que tenho que atravessar, de quimioterapia. Só posso retribuir a meu modo. Enquanto fico de resguardo, fiz um novo post, As pontes de Madison. Apareça:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com/
não há ponto depois de www
Um beijo,

azul said...

"um quadro na parede da memória
uma sensação ilusória"

pois há dias em que somos...

abraço.

rosa dourada/ondina azul said...

Dias há em que a saudade aperta...


Beijinho p ti,

Nilson Barcelli said...

Mas também há dias que a Menina escreve belos poemas como este.
Gostei muito, parabéns pelo seu excelente poema.

Bfs, beijinhos.

Esmeralda said...

E se...
...e se transformar os dias de gélido frio em quantes dias primaveris?

Poderá ser apenas um ameno calor feito de ilisão, mas a alma acalma e o sorriso aparece.

Obrigada pela tua visita.

Beijocas

pin gente said...

e por vezes são terríveis esses dias assim

abraço

Jorge P.G said...

Há dias assim, para que sejam mais saborosos os que o não são.

Bom FDS e um abraço, Verónica.
Jorge P.G.

Laura said...

Olá menina do rio...
Uma menina do rio nunca devia ser triste e ter de esperar outros braços...
Há muitos braços esperando abraçar-te...Será que não esperas pelos braços que já não voltam? E que nem vês os outros que se querem aproximar? ahhh é apenas brincadeirinha menina do rio... Mas a realidade é essa, os braços que queremos estão noutros braços, e os que nem queremos não nos largam..é né?... è a vidinha. Beijinhos com carinho, da, laura..

Fátima said...

Olá Amiga!!!
Há pessoas que algum dia fizeram parte da nossa vida e que deixam uma grande saudade. Saudade essa que nos aperta no coraçao e nos deixa sem motivaçao para lutar, pelo que quer que seja.
O unico consolo que podemos ter é agradeçer a Deus por essa pessoa ter feito parte da nossa vida e revivermos na nossa mente todos os bons momentos que passamos.

Deixo-te um beijo carregado de carinho e um desejo sincero de um excelente fim de semana!!

António Inglês said...

Menina do Rio

Carregadinho de saudades cá venho desejar-lhe um óptimo domingo.
Estou voltando mas ainda em velocidade de cruzeiro, por isso não estranhe se alguma coisa correr menos bem comigo.
Agradeço-lhe as visitas que me fez durante o tempo em que estive de quarentena.
Um abraço
António

gaivota said...

há dias assim, mas sempre com o paladar da saudade do que é bom !
beijinhos

Suave Toque said...

Veronica querida,< obrigada pelo carinho comigo e com o Mário, adoramos.
Beijos e um feliz domingo

Suave Toque

Lyra said...

Olá,

Chegou a atura de eu tirar umas férias :O)))

Entretanto deixei, no meu blog, um “presente” para todos os meus amigos. Espero que gostem!

Tudo de bom para ti.

Beijinhos e até breve.

;O)

Papoila said...

Existem dias assim que só o sonho aquece o frio da ausência! E é doce ter doces sonhos para sonhar!
Beijos

adrianeites said...

fazer o quê... ha dias assim...

bom fim de semana!

Zé Carlos said...

Olá Menina... sucesso total aqui... IBOPE no alto e vc sempre linda...
Bjs do ZC

su said...

Existem sempre dias assim e de outros...andamos às voltas com os dias e com os nossos sentimentos...mas na verdade, os sonhos também nos dão as voltas e chegam a confundir-nos, tantas vezes, ao ponto que referes tão bem no teu poema...

entreolhares said...

Penso que meus dias são sempre assim

beijinhos

Pepe Luigi said...

Existem por vezes momentos em que a saudade nos ferra com as suas nostalgicas presas.
Espero que tenhas passado um bom fim de semana.
Desejo-te muitas felicidades e envio-te um terno beijinho
Pepe

Carlos said...

lindo este poema, ainda bem que há dias assim , para poder ler estas palavras recheadas de sonoridade...

Uma boa semana

:)

Carlos said...

quando dias assim , não me quero referir , concerteza à ausência...claro , que entende o que quero dizer....

Hermínia Nadais said...

Que maneira tão real de ver esta vida!...
Seja muito feliz

elvira carvalho said...

Existem dias assim. Porque a vida é feita de coisas boas e más. E os dias de melancolia e ausência são o contraponto que nos ajuda a dar valor aos dias de amor e paixão.
Um abraço e uma boa semana

FERNANDA & POEMAS said...

Olá querida Verónica, lindo como sempre, adoro-te amiga... Beijinhos de carinho,
Fernandinha

C Valente said...

Mas que belo
Saudações amigas

Mário Margaride said...

Há de facto dias assim...

São dias que fazem parte da nosa vivência. Dias tristes...melancólicos.

Enfim...há dias assim.

Já agora deixo-te um convite, para dares uma olhadela a um cantinho novo que partilho com a minha amiga Nanda.
Espero que gostes.

http://neninadosgatos.blogspot.com/

"EU E OS GATOS"

Beijinhos...

Mário

Loba, a Keila said...

Há dias e noites para todos os gostos, e talvez isso faça com que a vida seja tão efêmera, boa de se viver, e nos maltrate tanto.

BeijUivoooooooooooosssssss da Loba

☆Fanny☆ said...

Menina linda!!!!

Há dias assim...em que a saudade nos fala baixinho ao ouvido desassossegando a memória, trazendo lembranças que abraçam a nossa vida!

Amiga, o meu endereço voltou a ser o de sempre: http//simplesmentemurmurios.blogspot.com

Beijinho grande*
Fanny

Secreta said...

Existem dias em que sonhamos mais do que vivemos.
Beijito.

DelfimPeixoto said...

Tenho vontade de te ler mais.... vá lá... escreve PF
jnhs

JOSÉ FARIA said...

Menina do Rio!
Já comprei as tintas para as paredes das fotos!
Compraste os produtos para a maquilhagem da imagem!?
Beijos
do Faria da Maia - Portugal

Bruxinhachellot said...

São dias que eu conheço bem. Belo poema menina.

Beijos caipiras.

JOSÉ FARIA said...

Menina do Rio, vim responder ao teu recente comentário no Zémaiato.
Olha, já tenho a madeira, o maço e o formão nas mãos! - Quando chegas para começarmos a fazer a carranca?
Beijos
Faria

Liz / Falando de tudo! said...

existem dias de todos os jeitos todos os dias, mas as vezes eles sao assim...
Lindo, gostei demais!
Bom resto de semana,
Liz

Ivete said...

Oi menina,
Vim agradecer sua visita e conhecer seu espaço.
Muito lindo viu, parabéns, vou voltar outras vezes.
bjssssssssss

david santos said...

Umas vezes melhor outras pior, mas a verdade é que há dias assim.
Parabéns

amordemadrugada said...

Muito bonito Menina!
Sabes que a ausencia...é uma espécie de morte1
quando tiver um tempinho vou por lá a minha foto no teu guest book, tá!?

Beijinhos amiga do meu coração

Jorge Cardoso said...

esses dias mais vale a gente esquecer, ou quem sabe lembrar que os devemos evitar.

mas são também esses dias que nos põem nos dedos essas bonitas palavras, ou antes nos leva até à net esse lindo poema!!!

beijinhos...

Pena said...

Linda Amiga:
Perante um choro sem controle, o meu MUITO OBRIGADO comovido.
A fantástica pessoa que é não necessita de palavras.
MUITO OBRIGADO pela ternura e carinho. É um Ser Humano fascinante e fantástico.
Sem mais

Bj de gratidão

pena

Beatriz said...

Existem dias de intensa saudade, e deixamos que a memória vá buscar as recordações de um tempo em que fomos felizes, para nos fazer sentir de novo aquela sensação gostosa de felicidade. Existem dias de intensa melancolia onde o frio da alma se torna mais forte do que o frio de um rigoroso inverno. Existem dias em que o sonho é o transporte para a fuga da tristeza e da solidão. Existem dias...

Amiga, viajei no teu lindo, doce, e sentido poema, por isso quero desejar que existam dias na tua vida que sejam entrelaçados de flores e estrelas, formando um lindo bouquet de sorrisos que possa ornamentar a tua alma e enternecer o teu coração.

Fica também um carinhoso beijo e o desejo de uma linda semana pra ti.

DE-PROPOSITO said...

Olá.
Só desejar que a felicidade esteja por aí.
Fica bem.
Manuel

Anônimo said...

Oi linda,

Estou de lay novo. Vem pegar ward, link e selinho novo, se desejar.

Uma linda terça feira e pa.

Smack!

Edimar Suely
jesusminharocha.blig.ig.cm.br

Hugh said...

Existem muitos dias assim

Hugh said...

Olá Menina! Eu quis dizer que mesmo que existam dias assim e todos temos esses dias. não deve deixar que eles tirem o brilho do sol nem a beleza das manhas pq são só dias. beijinhos

CATARINA POETA said...

Ainda que melancólicos, belos são os dias de saudade. Grata pela visita. Beijo.

Momentos said...

Muitas vezes sentí...
Este friozinho!

Obrigada pela visita e o carinho... Deixado!
Lindos!!!
Seus momentos!
Beijinhos Menina do Rio!

C Valente said...

É de facto existe dias bons e maus, é a vida, haja saude
Saudações amigasC

SAM said...

Amiga querida,

H� dias assim. Mas nada como um dia ap�s o outro. Mas como escreves bem, amiga! Maravilha!


Grande beijo

Te adoro!


* Ando ausente, mas bem...Estou em fase " baladeira de plant�o" Rsrsrsrsrs

Mario Rodrigues said...

Oi amiguinha. ja tive dias assim. Mas agora graças ao SENHOR la de cima, o Sol tem brilhado em todo o seu explendor, e aquecido a minha alma. Ele que nao se lembre de desligar o interruptor, e tudo quanto peço. eh eh eh

“Um amigo é como a luz
Nos faz descobrir novos horizontes”

Um linda semana

Bjinho amigo

Mario Rodrigues

Em espaço de partilha:
http://toquedeestrela.blogspot.com
http://sensualidadeemletras.blogspot.com

Renata Maria Parreira Cordeiro said...

Amiga, já que não posso ficar sem fazer nada, senão olho no espelho e me vejo magricela, 39 quilos, por causa da quimio, resolvi fazer algo aqui. Enquanto coleto material para "Bonequinha de luxo", postei sobre o filme "Sombras de Goya" que em Portugal ficou como no original "Os Fantasmas de Goya". Apareça por aqui:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com
não há ponto depois de www
Um beijo,

PS: Traduzi um soneto de Shakespeare e pus no post
Como vc não foi no anterior, que reconheço, se esgotou rapidamente, vá nesse.

Nilson Barcelli said...

Voltei a ler e continuei a gostar.

Beijinhos.

entreolhares said...

Passei pra ver se tinha poema novo
beijos

Mário Margaride said...

Querida amiga,

Existirão sempre dias assim...

Obrigado, pela tua visitinha ao meu novo espaço. O qual partilho com uma amiga muito especial.

Deixo-te um beijinho grande, com muito carinho

A todos os que se deliciam com os teus poemas. Convido-os a visitarem este novo espaço que partilho.
Espero que gostem.

http://neninadosgatos.blogspot.com
"EU E OS GATOS"

Nanda said...

Olá, Menina do rio.

Agradeço a tua visita ao meu modesto espaço, que partilho com o meu querido Mário.
Ainda estou a dar os primeiros passos nestas andanças de blogues, mas o Mário com muita paciência lá vai dando uma ajudinha...

Um bom resto de dia, e um beijinho

Nanda

Beto said...

Vê, vc tá proibida de ficar triste!
um beijo do gordo

Alice Matos said...

Querida Verônica...
Há dias assim... São dias que custam a passar... mas que dão origem a arte pura... quando vividos por alguém como tu...

Beijinhos...

Claudia Perotti said...

Existem dias assim em mim também!
Bonito, menina!

Beijinhosssssssss

Sleeping Angel said...

já cá não passava a muito e bom ver que continuas em grande

ANTONIO DELGADO said...

Há dias assim e outros que podem sê-lo...mas as belas palavras e sentimentos surgem em dias assim.

Beijo
António

Anônimo said...

Sempre existem esses dias de melancolia
bjs

Sônia

Sônia said...

Sempre existem esses dias de melancolia
bjs

Sônia

Menina meu comentario saiu anonimo mas sou a Sônia do Sesi, lembra?
bjinhos

Hugh said...

Relendo-te mais uma vez!....

Multiolhares said...

esses dias exiatem mais vezes do que gostariamos
beijos

literatura said...

Querida amiga!
Foi uma boa sensação que senti quando regressei de férias e vi as suas mensagens.
Aqui deixo um beijinho.
Volte sempre.

Anônimo said...

.

Anônimo said...

metida

Anônimo said...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo said...

To de olho em vc!!!!!!!!!!!!

Concy said...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Veneide, sem clone said...

Deve haver na multidão, alguém doido para te abraçar. Foi assim comigo! Você é uma pessoa muito linda!
bjs

Beth said...

Meu deu saudades de alguém ao ler teu poema...
Que belos e ternos versos...de amor...expressos em palavras e sentimentos.

Lindo !!!! Lindo !!! Lindo !!!

Renata Maria Parreira Cordeiro said...

Amiga, ontem eu estava num estado que à noite tive que ir ao médico, pois nada me parava no estômago. Anteontem estava com 39 quilos, ontem à noite, com 37. Gastei minhas últimas economias na contratação de uma enfermeira que parece um gigante, mas que me transporta no colo e cuidará da minha alimentação parental. A F@ pediu para eu fazer a resenha de "Fale com Ela".
Apareça:
wwwrenatacordeiro.blogspot.com
não há ponto depois de www
Um beijo,

Xinha said...

Olá...

vim deixar-lhe um beijinhos e desejar-lhe um óptimo fim de semana!!

Xi-coração

tempoparaamar said...

Beijinho menina do rio e bom fim de semana-Salomé

entreolhares said...

Passando pra te desejar um ótimo fim de semana

Sossega, coração! Não desesperes!
Talvez um dia, para além dos dias,
Encontres o que queres porque o queres.
Então, livre de falsas nostalgias,
Atingirás a perfeição de seres.

Mas pobre sonho o que só quer não tê-lo!
Pobre esperença a de existir somente!
Como quem passa a mão pelo cabelo
E em si mesmo se sente diferente,
Como faz mal ao sonho o concebê-lo!

Sossega, coração, contudo! Dorme!
O sossego não quer razão nem causa.
Quer só a noite plácida e enorme,
A grande, universal, solente pausa
Antes que tudo em tudo se transforme.

Fernando Pessoa

Renato Mendes said...

Bonito blog Menina.belos poemas! Prendi-me nas fotos do Rio de Janeiro e senti uma saudade dessa cidade onde passei belas férias.

saudações

Fábio Assunção said...

Amiga Veronica
já tive pra vir te ver mas nunca deu. hoje resolvi dar uma passadinha e comprovei que realmente vc tem lindos poemas. Teu recanto é muito bonito e acolhedor e vou voltar mais aqui. Ando numa correria mas qd sobrar um tempinho eu venho. Fico grato pelas mensagens no orkut e se não respondo as vezes é pq não tenho ido quase lá

Parabéns pelos blogs que são bem interessantes

beijos e beijos

Fábio

Cöllyßry said...

Dia há em que o sonho se torna realidade...Belo poetar querida...

Beijitos

Anônimo said...

Dias assim dá vontade de nem acordar..mas sempre tem dias melhores

Fiz uma viajem pelas tuas letras menina.
jinhos da cá


Germania

Olhos de mel said...

Oie linda! Esses momentos estão dentro de nós e infelizmente causa as instabilidades de humor, comportamento e emoção. Felizmente, pessoas como você, transforma-os em belas prosas poéticas.
Bom fim de semana! Beijos

Menina do Rio said...
Este comentário foi removido pelo autor.
Menina do Rio said...

Obrigada Renato, Entreolhares, anônimos que comentam, Sonia do sesi (que fica lá no cantinho só giboiando ao sol, rs...),Beto eu nem preciso falar, certo? Hugh, não consigo atinar pra quem és e o teu blog dá erro de página. Gracias pelas mensagens

Obrigada aos "anônimos" que vem pra insultar também; aos que me obrigam a apagar comentários maldosos. Se vêm aqui é porque de certa forma meu brilho atrai, ainda que vos cegue. Mais que um ou dois a quem teoricamente incomodo, há um grande número de AMIGOS e estes sim, são os que fazem a diferença.

Um bem haja!

mundo azul said...

Passei para deixar um beijo, o meu carinho e desejar um final de semana maravilhoso!!!

Maria Anjos Varanda said...

Bonito poema...
Gostei do seu blog....tem poemas lind�ssimos.

Obrigada pela visita ao blog que temos de apoio � Rita, uma menina com uma voz linda e de quem gostamos muito....volte sempre.

Eu tamb�m vou voltar aqui para ler seus lindos poemas.

Um beijo e bom fim de semana

Mário Margaride said...

Querida amiga,

Passo por aqui, para reler este belo poema. E desejar-te um excelente fim de semana!

Beijinhos meus, e da Nanda

flamenguista roxo said...

MENINA DO RIO...sua escrita é bela escreves com alma.
Gosto da maneira que aborda os assuntos.
Eu não esqueci da promessa ainda vou fala seu poema no planto...é sério....pareço sonhodor, né?
Um bom final de semana e um feliz aniversário atrasado para Aline.
Beijos paz de cristo.

Anônimo said...

Gosto imenso!!

=P

Ian

Aires said...

Espero que tengas muchos días así. Besitos.

Tia Zulmira said...

olá, aqui é Mariana, filha do "apoena", estou divulgando meu novo blog: www.tiazul.blogspot.com
te espero por lá!
abraço!

entreolhares said...

Passei pra reler
beijinhos

Carla said...

há mesmo dias assim!
...depois passam
beijos