{b

domingo, 12 de abril de 2009

Bem sei que sabes!


Do teu querer, vesti-me na ternura
qual brancas plumas, naveguei teu mar
planei meus sonhos na ilusão tão pura
fiz dos teus olhos a luz do meu olhar

Ah! Quanto amor em forma de prece
nesses gestos teus que são tão meus
nesses versos que minh'alma aquecem
como dádivas vindas de Deus

Ah!  Meu amor! Se soubesses quanto
de ti trago em minh'alma com fervor
nos versos que escrevo e que te canto

E bem tu sabes das horas em que louca
Ah! Bem sei que sabes, meu amor
morreria por teus olhos e tua boca!

(Menina do Rio®)

70 Comments:

Hermínia Nadais said...

Que saudades tinha de vir aqui! Parabéns. Beijinhos

tibeu said...

Obrigada pela tua visita que para mim é uma alegria terte no meu cantinho.Espero que o teu domingo tenha sido optimo e peço a deus que a tua semana seja bela e calma. Gr beijo de amizade
www.tibeu.blogs.sapo.pt

Desnuda said...

Nosssssssssssssa! Este sim é um poema obra de arte! Lindo demais, Verônica!!!



* Obrigada pelo comentário amiga. Vindo de voce, fiquei muito feliz!


Uma linda semana minha amiga- irmã. Te adoro! Beijos

Jairo Mendes said...

Que soneto lindo! Gostei desse demais!!! Dei uma olhada pelo teu espaço e tem muitos poemas bonitos. Parabéns pelo seu livro

Pelos caminhos da vida. said...

Tem selinho la pra vc amiga.

beijooo.

Prabéns pelo livro.

Maria said...

Belíssimo soneto. A lembrar-me Florbela Espanca...

Beijo grande, V.

Aqui - Ali - Acolá said...

Olá amiga bom dia:

Muito belo este teu poema, que se junta a todos os que aqui tens de rara beleza.

Sobre teu livro que dizes irá ser publicado e distribuído aqui em Portugal, agradeço-te que me digas se sabes quando ele será publicado aqui e distribuído bem como o Título dele, pois eu pretendo adquirir esse livro ok?
Não te esqueças de me informar ao certo isto deixando um recado no meu blog.

Bjos início de semana muito feliz te desejo..

Rafeiro Perfumado said...

Olha que as plumas não é lá grande material para navegar, têm a tendência para afundar!

Beijo!

Roderick said...

E pelo nariz!
Não morrias?
;-)
Brincadeirinha!

Ana said...

Olá querida bom dia!
Tão sensual e pleno de amor este teu maravilhoso poema. Adorei!
É lindo demais acredita!!!
Parabéns minha princesinha linda!
Beijinhos doces,
Ana Paula

Doncel said...

MENINA:
Todo un placer volver por tu página, y gozar de tus versos llenos de amor.

Besos desde Barcelona.
Antonio

JC said...

Lindo o poema que escreveste, ilustrado com uma bela imagem e com uma música que adoro. Feliz o destinatário desta mensagem. Mensagem linda de amor que transmite tudo o que vai dentro do coração da alma. O que posso mais dizer?
Lindo...
Bejinhos

"Sofi@" said...

Obrigado por todo o seu apoio, e obrigado também por não me ter abandonado quando eu mais prcisava, é uma querida mesmo!
E muitos parabéns pelo seu livro, aposto que vai ser um sucesso!
Eu vou compra-lo!
Beijocas.

nandokas said...

Olá,
Uauuu!... Que lindas as tuas palavras que pões em soneto. Parabéns!
Beijo

Beatriz said...

Que belo soneto! Um momento inspirado onde registras um amor tão puro quanto sensual, em versos e imagem.

A música de fundo cai bem com o cenário. Linda!

Fica o sorriso de um anjo, uma rosa azul, e meu carinho num beijo!

poetaeusou . . . said...

*
bem sei
que sabes sonetar
e
que deliro
com os teus poemas,
,
ventos de amizade, deixo
,
*

Pico minha ilha said...

Bonito soneto, onde o amor brilha.Beijo V.

Anônimo said...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
Anônimo said...

livro? kkkkkkkkkk...........pago pra ve!!!!!!!!!!!!!!11

Anônimo said...

vc não ta com esse prestigio todo; menina velha! a mim vc não engana não!!!!!!

manzas said...

Desperto encostado á escura noite
Na velha e dura calçada do relento…
Na cama onde a chuva é açoite,
Agasalho-me com lençóis feitos de vento!

Grato sempre pela
Bem-vinda visita
E comentário!
Uma boa semana,
No abrigo da paz
E do amor!

O eterno abraço…

-MANZAS-

manuel marques said...

Vós, que sofreis, porque amais, amai ainda mais. Morrer de amor é viver dele .

Beijos.

Sol da meia noite said...

Belo soneto, que canta o amor...!
Amar, é este enlace de quereres, de gestos, de olhares...
Amar é este morrer de que aqui falas...

Amiga, beijinho te deixo *
:-)

Pelos caminhos da vida. said...

Hoje é o Dia Nacional do Beijo,passei aqui para deixar um pra vc.

beijooo

zezinho said...

Apaixonante!!!Minha gata uma otima semana beijos...

Emanuela said...

Olá Verônica,
Lindo o poema! Suave, encantador!
Parabéns pelo livro amiga. Desejo muito sucesso nessa tua empreitada.
Beijos

Roderick said...

Que livro teu é que se referem?

Carla said...

horas de doce loucura
beijos e boa semana

Amaral said...

Um soneto lindo!
Doces versos cantados como dádivas, como loucas ternuras escritas em cada olhar...

Maria Clarinda said...

Mais um poema maravilhoso!
Jinhos

Meg said...

Dois dias para conseguir entrar aqui, minha amiga.
E como gostei do teu poema!
Porque das tuas palavras se solta uma alma arrebatada, sem dúvida.

Um beijo

Antonio saramago said...

o sêlo de uma ESCRITORA!!!

Claudia Perotti said...

Fantástico poema!
Sensível e de amor extremo!

Beijinhosssssssssss

A.S. said...

Menina do Rio,

Um belissimo soneto!!!

Estarei atento à saída do teu livro!


Beijos...

Mário Margaride said...

Querida amiga

Este belíssimo soneto, é um auntêntico hino ao amor!

Parabéns!

Convido-te a passa pelo "AMOR DE ALÉM MAR", outra forma de fazer poesia em dueto.

Beijinhos e boa semana!

Mário

Entre "aspas" said...

Sempre muito relevante passar por aqui e ler estas palavras que entoam na alma como canticos de esperança e de animo.
Bom início de semana
Bjs Zita

Papoila said...

Querida Menina:
Este teu soneto de amor como prece de ternura é lindíssimo. Parabéns!
Grata pelas tuas visitas.
Beijos

Maria Anjos Varanda said...

é sempre tão agradável visitar o teu blog......poesia linda, sempre
Adoro.....

Espero que a Páscoa tenha sido optima.

Um beijo

MARTHA THORMAN VON MADERS said...

Seu poema é solto, liberto e ganha as alturas. Lindo.
E o livro?
Como vamos comprar ?
tenho novidades.
beijossssssssssssss menina do rio

elvira carvalho said...

Um belo soneto. E fico aguardando o livro...
Um abraço

Paulo Tamburro said...

Comentar o que?

Muito lindo, nada a acrescentar.a não ser, parabenizá-la pela excelência da sua sensibiidade e bom gosto.

Um grande abraço.

Agulheta said...

Querida amiga.Como sempre belas as palavras e sentidas de encanto como sempre.
Beijinho fica bem.
Lisa

Renata Maria Parreira Cordeiro said...

Lindo, Verônia. Um soneto digno de Florbela Espanca. O soneto é a minha forma preferida em poesia e vc compõs um muito lindo. Sabe que melhorei?
Querida:
Postei sobre A Dama das Camélias e apresento algumas obras de Artemísia Gentileschi, além de poemas alheios e meus, flores, o de sempre, embora o Galeria esteja um pouco mudado. Conto com você.
Um abraço,
Renata

Zé Carlos said...

Menina lindaaa, vc a cada dia escreve mais gostoso e a cada dia fica mais linda....
Beijão do Zé Carlos

Daniel Costa said...

Menina do Rio

Verticalidade da feminialidade, que sempre vens expondo nos teus trabalhos, que habituei a admirar.
Beijinhos,
Daniel

amordemadrugada said...

Bem!
deixa-me dizer-te que fiko extremamente feliz com a publikaçao de um livro teu... a serio...
gostaria era que me chegasse um as maos....pode ser , quem sabe
pena que fikes por aí!
Mas...tambem...kem sabe!
beijito doce kerida amiga
felicidades e parabens a tu

Suave-Toque said...

Olá, fazia um tempo que não vinha aqui, e encontrei um poema lindo, apaixonado.
Obrigada pela visita, é uma pessoa muito querida por mim.
Beijos
Suave Toque

Anônimo said...

xx..................
................

Anônimo said...

Destaque p/esse trecho:
"Ah! Meu amor! Se soubesses quanto
de ti trago em minh'alma com fervor
nos versos que escrevo e que te canto"

Lírico!

bjs
Adriano

manzas said...

Nos lençóis de seda em mar sereno
Tocam os dedos de um sol madrugador…
Desperta o planar de uma gaivota
No desabrochar de uma fina flor

Desamarro das margens do rio
Batel pintado com cheiro de jardim…
Redes enleadas no engodo do amor
Veste-se tímida a manhã num cais de cetim

Um resto de uma boa semana
Na rota dos sonhos!
Bem-haja!

O eterno abraço…

-MANZAS-

Nilson Barcelli said...

Cara amiga, gostei imenso do teu poema. Belíssimo.
Bom resto de semana,
Beijos.

adenilson said...

mais um lindissimo txto..
só deixa mais ansioso por ver sua obra [livro]

ta mto legal o blog como sempre.
eu atualizei o meu tem coisas legais lá.
t esperolá
abraço e ótima kinta

bagageirodocurioso.spaceblog.com.br

Anônimo said...

ADORO ACABAR COM SUA ALEGRIA!!!!!!!! PORQUE VC NÃO MORRE HEIM????????!!!!!!!!!!!!!
VACA!!!!!!!!!!!!!!!!

Anônimo said...

OOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOOO
KKKKKKKKKKKKKKKKKK..................

Anônimo said...

EU GANHEI UM CACHORRINHO CHAMADO C..........
ELE E TAO BONITINHO
TAO BONITINHO
E NAO DOU PRA VC!
TB SEI POEMAR!!!!!!!!!!..........

Eärwen Tulcakelumë said...

Quando conseguimos tamanha ternura nas palavras, vemos formar este belo momento em “Bem sei que sabes!”.

Pérolas incandescentes de inspiração entrego em tuas mãos, agradecendo o carinho para com o meu mundo.

Eärwen

Peter Pan said...

Linda Amiga:
Um poema sensível merecedor de todos os elogios.
Dá-nos uma bela mensagem poética da sua personalidade linda.
Um poema profundo. Notável e Magnífico. Saído da sua sensibilidade terna. Repleto de extraordinária pureza e beleza do seu sentir doce.
Parabéns sinceros.
Adorei! Vê-se o que deseja da vida, da sua forma de estar e ser com carinho e ternura do seu imenso poder lietrário.
Beijinhos amigos de respeito, estima e consideração.
Sempre a lê-la atentamente com admiração...

p.p./Pena

Bem-Haja, amiga preciosa!

Olhos de mel said...

Minha amiga linda, o amor, ainda que em distantes, permanece vivo dentro de nós. Adormece quando não podemos vivê-lo, pelo mecanismo de defesa. Mas está lá, dormindo...
Lindo soneto!
Bom fim de semana! Beijos

Cleo said...

Cante o amor lindo que você tem no coração e não dê bola para pessoas invejosas. Você é uma pessoa sábia, tanto que esses recados deixados aí você nem dá bola, bem que fazes. teus poemas são lindos, cante a vida e o amor e seja sempre feliz. Sucesso para o livro.
Beijos com carinho Menina do Rio.
Um fim de semana sorrindo e cheio de amor prá você.
Cleo

Alice Matos said...

Sempre lindo o que escreves...

Beijo grande para ti...

Duarte said...

Estes sonetos teus
que leio com fervor,
rasgos de um amor,
que instam ânimos meus.

Beijo-te com a inspiração
que criaste para a ocasião

O Árabe said...

Parabéns pela publicação do livro... e pelos belos poemas de sempre! :) Bom fim de semana.

SAM said...

Minha amiga querida,

lindo fim de semana! Beijos

Oliver Pickwick said...

Bem sei que escreveu uma poesia primorosa e tão serena como deveria ser, sempre, o amor.
Um beijo!

DE-PROPOSITO said...

morreria por teus olhos e tua boca!
----------------
É claro que é uma 'hipérbole'.
Ninguém morre por uns olhos, uma boca.
Fica bem.
E a felicidade por aí.
Manuel

Mário Margaride said...

Querida amiga

Em meu nome, e da minha querida amiga Rosana, te desejo um excelente fim de semana com tudo de bom.

Beijos muitos, e em duplicado...

Mário

Peter Pan said...

Linda Amiga:
Um poema repleto de ternura, afirmação e sensibilidade maravilhosa e admirável.
As palavras possuiem um enorme poder comunicativo e uma sensação ímpar que fascinam de encanto.
Sensível. É merecedora de todos os elogios.
Dá-nos uma bela mensagem poética que escuto embevecido pela sua sensacional personalidade linda e adorável.
Profunda. Significativa. Linda. Fruto da sua sensibilidade terna. Repleta de extraordinária pureza e beleza do seu sentir doce.
Parabéns sinceros.
Adorei! Vê-se o que deseja da vida, da sua forma de estar e ser com carinho e ternura no seu imenso poder literário.
Beijinhos amigos de respeito, estima e consideração.
Sempre a lê-la e a escutá-la atentamente com admiração...

p.p./Pena

Bem-Haja, amiga preciosa!
OBRIGADO pela simpatia expressa no meu blog.

Beatriz said...

Minha linda, sem nova postagem para apreciar, deixo uma rosa, um sorriso, uma estrela, e meu carinho, dentro de um beijo que deposito no teu coração.

Multiolhares said...

O amor move montanhas, é bom saber que temos alguém que assim nos ame
beijinhos

rouxinol de Bernardim said...

Cara Verónica:

Isto não é poesia... é fogo mesmo!