{b

sábado, 29 de novembro de 2008

Deixa

Deixa que eu me perca em teus desejos
Como se fosse a tua doce amada
sorver a tua boca com meus beijos
Doce, sedutora e terna enamorada

Deixa que eu me deite em teu abraço
nua, como a lua em céu de madrugada
Repousa em meu corpo o teu cansaço
Deixa que nos desperte a alvorada

Canta pra mim os versos que são dela
Eu te declamo os que fiz pra outro amor
E dou-te a minha alma com sublimação

Que importa se não és ele e não sou ela?
pois que sejas a cura do meu desamor
e eu seja o bálsamo pro teu coração

by Menina do Rio®


91 Comments:

Um olhar said...

Um novo amor, sempre trás o bálsamo para uma saudade.

belo poema amiga,

bjos e ótimo fds prá vc!

Renata Maria Parreira Cordeiro said...

Que poema lindo, amiga. Posso publicálo no meu novo Blog? Vou publicá-lo. Se não gostar devolvo.
Amiga:
Postei sobre o filme A Massai Branca no Galeria e publiquei várias coisas interessantes no Poemas e Canções. Apareça. EStou à sua espera. Um abraço,
Renata

Véu de Maya said...

Olá, Menina do Rio!

vc/ canta o amor lindamente...adorei ler seu poema tão cristalino e envolvente...muitas felicidades pra vc/...

Abraços pra vc/

Gilbamar said...

A saudade só perece quando o amor renasce na forma de alguém.

Belíssimo o seu poema.

Deixo meu fraterno abraço amigo.

mundo azul said...

Minha linda amiga... Daria certo?

Tenho cá minhas dúvidas...

Seu soneto está MARAVILHOSO!!!


Beijos de luz e o meu sincero carinho...

Rafeiro Perfumado said...

Desde que não me peças para declamar, tudo bem...

Beijo!

Cadinho RoCo said...

O carinho tem maneira infinita para se manifestar.
Cadinho RoCo

Agulheta said...

Linda amiga,belo e forte o poema como deve ser o amor.
Bom feriado e beijinho

Multiolhares said...

o amor as recordações os sentimentos por vezes tudo se confunde na procura da felicidade
beijos

Jaqueline Sales said...

O amor não conhece o fim da lista de palavras impossíveis de serem ditas em outras ocasiões, senão enquanto nos braços de um grande e lindo amor.

Você está ótima nessa fase, Menina Momentos: apaixonada, profunda e cheia de novidades.

BeijUivooooooooooossssss da Loba

Sol da meia noite said...

Versos de beleza feitos...
Neles a sinceridade, a transparência da alma.
Eu acredito num amor assim. Sólidos pilares de verdade o sustentariam.

Querida, uma boa semana cheia de lindos momentos, te desejo.


Um beijinho *
:-)

Clarinda Galante said...

Arranjas sempre palavras maravilhosas para falar de amosr!!!
Jinhos!
Adorei o poema dito em fundo(és tu?)

Pico minha ilha said...

Belo soneto, o amor é lindo e na saudade outro amor pode surgir.Beijo

Papoila said...

Belíssimo soneto! E a voz doce ao fundo é uma maravilha!
Beijos

Antonio saramago said...

TU VAIS VOLTAR A TER E SENTIR TUDO ISSO AINDA!!!

Um Poema said...

...

Vim agradecer a tua visita, durante a minha ausência, e o teu comentário.
Fiquei por aqui, saboreando os teus sonetos.
Não vou comentá-los um a um, pois não saberia dizer de cada um senão EXCELENTE!

Um abraço

Jorge P.G said...

Bonito soneto ao amor, independentemente dos sexos.

Um abraço, Verónica.

Maria Clarinda said...

Lá em cima a Clarinda Galante sou eu...;). Jhs

Entre "aspas" said...

O amor é sempre lindo,mas desde que seja verdadeiro e não um simples reflexo num espelho nublado.
Minha amiguinha desculpa a minha ausência,mas estive um bocado atribulada...
Prometo voltar com mais regularidade.
Bjs Zita

Betty Branco Martins said...

.querida________Menina do Rio




____________que





importa______"deixa"








que.seja



___________que se viva








.o______________amor











beijO______ternO

Meg said...

Verónica,

Poema intenso. O amor sentido no seu esplendor, na sua verdade, sem receios nem reticências.

Um abraço para ti

Duarte said...

Sedução, tolerante, compreensão, sensibilidade, mas com vingança.

Como já nos tens habituados, arte na escrita com rima cruzada.

Um grande abraço

NOVO MUNDO said...

Menina do rio, bela poesia talento de jornalista...não desista você tem talento...acredite....uma boa semana.

Pelos caminhos da vida. said...

Voltei, mas agora para deixar um abraço e um bom dia.

bjs.

poetaeusou . . . said...

*
deixa-me saborear,
este belo poema,
,
conchinhas,
,
*

PreDatado said...

Adoro sonetos. O teu está muito bem escrito.
Quanto ao texto, os amores trocados serem cura (ou apenas bálsamo) para mal de amores, bom... a sublimação nunca fez mal a ninguém. O pior é se deixamos ficar o vazio depois :)
Gosto sempre de vir espiar a tua escrita.

MEU DOCE AMOR said...

Ai Menina querida...tão belas palavras, cheias de encanto.Tocou mesmo aqui.Que esse bálsamo seja sempre adocicado pela tua ternura.

Beijinho doce agradecendo as tuas visitas bonitas.

O Árabe said...

Belo, amiga... como os teus sentimentos e poemas. :) Boa semana.

Zeze said...

Olá Amiga

Palavras Lindas, ao nosso Amor...

Beijoka

C Valente said...

Colectaneas de amor
saudações amigas com um beijo

Nilson Barcelli said...

Cara amiga, este seu soneto é maravilhoso.
Não só pela arte poética que ele revela mas também pela sensualidade que nele transmite.
Parabéns pela sua criatividade poética (gosto mais de falar em criatividade do que em inspiração...).
Beijinhos.

Aníbal Raposo said...

Lindo poema de amor.

Fátima said...

Olá Veronica!!
Que bom é nos perdermos por amor e deixarnos levar pelo tempo,nos braços do nosso amado......

Uma beijoca cheia de carinho e um desejo de uma optima semana!!!

elvira carvalho said...

Lindo soneto amiga. Adorei. E é verdade, dizem que as desilusões de um amor se curam com outro amor.
Um abraço

luzdeluma said...

Amores e amores. Ama-se de todos os modos!! Beijus

CAMINHANTE said...

Que belo soneto.
É muito bom poder deliciar-me com tão bela poesia.
Obrigado amiga por estes momentos.
Obrigado, também, pelo seu belissimo comentário no meu "Trilho de Luz".
Um abraço fraterno

Caminhante.

Thiago said...

Um beijo grande com saudades e que saibas que ler o teu eu é como um bálsamo para o nosso coração

Roderick said...

Bálsamo com o frio que está por aqui é bom!!!

HerRose said...

Adoro suas escritas! *.*
Fiquei muito feliz com algo que me aconteceu, mas nao consigo escrever sobre...
beijo! quero ir antes do natal, mas nao sei se vai ser possivel.

Utopia das Palavras said...

Lindo soneto, toda a ternura de um coração...!

Beijinhos, amiga

Pico minha ilha said...

Um recomeçar.Beijinhos

Desnuda said...

Que perfeição...Lindo! Só me resta aplaudir, amiga linda!



Grande beijo!

Carla said...

que assim seja amiga...e assim encontres a felicidade
beijos

Carla said...
Este comentário foi removido pelo autor.
Sonhos e Devaneios said...

menina do rio...eu deixo sim....deixo que voce se perca em meus desejos...lindo poema....parabens
joao

SAM said...

"...pois que sejas a cura do meu desamor
e eu seja o bálsamo pro teu coração".


Maravilha! Continuo os aplausos, amiga!

Muitos beijos!

Brancamar said...

Tão lindo este soneto, menina!
O amor é sempre uma doce cura para todos os males.
Beijinhos.
Branca

FERNANDA & ASTROLOGIA said...

Olá querida Verónica, belíssimo Soneto... Lindo, sensual e com muita sensibilidade... Adorei Amiga!
Tenho um blogue novo, que é este que estou a postar, pode ser que gostes... Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandinha

Desnuda said...

Adorei! O poema já disse...agora vim falar da foto hahhaha


Beijos linda!

São said...

Saboreio silenciosamente a beleza da escrita que nos ofereces.
Bom fim de semana, linda.

Olhos de mel said...

Pois é linda! As vezes precisamos apenas de carinho e acolhimento. Quem sabe não fica a esperança?
Lindo soneto, adorei!
Bom fim de semana! Beijos

poematar@gmail.com said...

tens um blogue muito activo. Onde aencontraste a tradução automática? Podes dizer-me? Tudo de bom e obrigado.

O Árabe said...

Bom fim de semana, amiga. Aguardo o novo post! :)

adrianeites said...

bom fim de semana!

Lyra said...

Diante de alguém que contrói imagens e escreve tão bem, tem-se a sensação de que as coisas que permaneceram escondidas no caos emergem…

Beijinhos e até breve.

;O)

Lyra

impulsos said...

Menina
O teu soneto só podia ser um belo soneto, pois foi escrito por ti, que és uma rainha na arte de sonetar!

Beijo

rosa dourada/ondina azul said...

Belo poema :)

O teu aniversário está perto.
Desejo-te um dia Feliz :)))

cõllybry said...

À sempre a esperança que nos aguarda, lindooooo teu poetar

Beijitos ternos

tibeu said...

Olá
Tudo bem contigo?
Obrigada pela visita ao meu blog, o teu cada dia está mais airoso, parabens.
Dizias no comentario que não comseguias ver o texto, não conseigo perceber o motivo. Podes ajudar-ma dizendo se já consegues ver ou não????? Desculpa estar a incomodar. Mas já fiz vários textes com outro compotador e vi sempre. Se poderes agradeço. Bj e bom domingo

poematar said...

Editei o teu belo poema no meu blogue, citando a proveniência. Espero que gostes. Tudo de bom.

tibeu said...

Muito obrigada pela tua prontidão. tambem não arranjo explicação para tal. bj gr e um muito obrigada

Serenidade said...

Com o amor, verdadeiro, em nosso coração, consegue-s sempre ultrapassar todos os obstáculos....continua ...

Serenos sorrisos

FERNANDA & POEMAS said...

Olá querida Verónica, votos de um bom Domingo,...Beijinhos de carinho e ternura,
Fernandinha

Pico minha ilha said...

Deixo um abraço e votos de bom feriado e seu dia está quase a chegar.

Oliver Pickwick said...

Há audácia nestes versos, cara amiga. Aliás, como muitas outras coisas que escreve aqui. Além do ingrediente sensual, na fantasia, existe também a provocação amoral.
Feministas e puristas que se cuidem!
Um beijo!

Pico minha ilha said...

O feriado por aqui é o dia da Senhora da Conceição, não sabia que por ai não faziam.Beijinho

O Sibarita said...

Eita mulher porreta meu Deus! kkkk

Apaixonada, é fia? Hummm... kkkkkkk

O amor é assim, fazer o que? Se não curti-lo ao nosso modo...

Bacana sua poesia!

bjs
O Sibarita

Flor said...

Oi Amiga! :-)

Nesta manhã de feriado, sim porque hoje é feriado em Portugal, tirei um tempinho para vir visitar o teu cantinho e aproveito para te deixar o meu beijo amigo...

Obrigado pelos votos de Bom Natal, para ti também querida...

O frio é imenso por terras lusas.. imagino ai o calorzinho...

Fica bem, fica com Deus Menina do Rio....


Flor deixa um enorme abraço de carinho

Flavinha said...

Lindo, lindo...
Adorei as fotos da árvore da lagoa.
Tô indo para o Rio e ansiosa para vê-la.
Um xero.

Sol da meia noite said...

Linda Árvore de Natal aqui partilhas com os amigos :-)
Sinto-a acolhedora...

Querida, meus desejos de uma boa semana, aqui te deixo.
Um beijinho *

Cadinho RoCo said...

Releio o que já li porque sinto reação sem seu ser que quer sair para o mundo que está à sua espera.
Cadinho RoCo

Pelos caminhos da vida. said...

Bom dia!

Tem selinho lá para vc.

bjs

GarçaReal said...

Aqui sinto sempre a beleza presente....

Boas festas para ti também e obrigada

Bjgrande do lago

Verónica said...

Que poema maravilhoso! Lindas imagens poéticas!
Parabéns amiga! Gostei muito!
Beijinho

Nota: A foto está muito bem

caurosa said...

Olá Menina do Rio, estou eu aqui de novo. E sou premiado com seus belos poemas. Adorei.
Muita luz, paz, harmonia e mais inspiração em sua vida.

Forte abraço

caurosa

Everson Russo said...

Deixar o amor entrar, e no colo dele deitar é muito bom, é vida...linda poesia...beijos querida, tenha uma linda noite e uma otima quarta....

Farinho said...

Que saudades suas, amiga, ando um pouco afastada, mas tb não tenho tido net, de quando em vez, visito os blogs amigos, quando estou em casa de alguém com net, mas e td de fugida.

Espero que esteja td bem por aí.

Beijo carregado de saudade.

Sónia Farinho

Hugh said...

Menina venho te deixar um beijinho. Vou viajar e ando numa correria só, por isso não tenho vindo.
Volto em janeiro e venho te ver. Continua escrevendo essas coisas lindas e tenha um bom Natal.
Que Papai do céu continue te iluminando

margusta said...

Querida,
..passando só mesmo para te deixar um beijinho enorme de gratidão, pelas tuas palavras carinhosas.

Bem hajas querida Menina do Rio!

C Valente said...

Passei e deixo saudações amigas

lua prateada said...

É isso mesmo amiga "que sejas a cura do meu desamor e......"
Por vezes é mesmo só o que nos resta...
Beijinho prateado com carinho

SOL

Denis Barbosa Cacique said...

Olá, Menina do Rio. Como vai?

Estou tentando voltar pra blogsfera. Esse semestre foi muito complicado. Estava terminando a faculdade. Nossa, que correria! rs

Valeu por aparecer no Nobre Ordinário mesmo com o meu desaparecimento!

Bjoca

Denis

Carla said...

como não pude comentar nas árvores de Natal aproveito para te agradecer a bela imagem e retribuir os votos de Boas Festas
beijos doces

O Profeta said...

Cheguei a meio de um longo inverno
Não tenho no céu uma estrela guia
Uma sombra às vezes procura a luz
O Sol recolhe a claridade ao fim do dia

Na noite
Oiço as vozes dos filhos da Terra
O cantar das águas de uma lagoa
O murmúrio das pedras em suave espera


Boa semana


Mágico beijo

Roderick said...

Em Lisboa, temos tido a maior arvore da Europa. Mas este ano não a fizeram. Tempos de crise.

david santos said...

Caro amigo (a)
Com o objectivo de desejar a todos os meus amigos e amigas os melhores e maiores festejos de passagem do Ano de 2008 e prometendo-lhes que pedirei por todos que o novo Ano de 2009 seja o melhor das vossas vidas, venho agora, e nesta data, começar a fazer o que me vai dentro do espírito: desejar-lhes o melhor. Começo agora, aparentemente sedo, mas quero ver se me é possível contactar com todos.
Sem outro assunto e confiante em que os meus desejos venham a ser uma realidade, sou com toda a consideração estima:

David Santos

amordemadrugada said...

Olá minha linda!
tão bonito ouvir-te!
linda também a grande árvore de Natal!
Desejo tudo de bom pra ti amiga
muitosssss dias de felicidade
beijito em tu

Nuno de Sousa said...

Mais um belo momento minha menina do Rio, um belo poema cheio de amor e romantismo.
Está lindo... parabéns.
Amiga será ue vais estar junto de tua filhota neste Natal?
Espero que sim... porisso desejo-te um feliz Natal com mto amor e carinho paa ti...
Bjs grandes
Nuno

Nilson Barcelli said...

Feliz Natal cara amiga.
Beijinhos.

Helena Paixão said...

Belo poema recheado de romântismo e sensualidade!

Para quando o primeiro post de 2009???

Bjs

Ana Martins said...

Brilhante soneto!!!
Parabéns.

Beijinhos,
Ana Martins